Regulamento do Campeonato Brasileiro de Flatland 2012 - CBBF

Regulamento Oficial do Campeonato Brasileiro de Flatland 2012 - LIESP/ CBBF

 

FASES DA COMPETIÇÃO


1A) Reconhecimento de pista: O tempo será previamente estipulado em cronograma, onde todos os atletas inscritos poderão treinar. 
Tempo aproximado: 2 horas

1B) Formato da Competição:
Divisão de Baterias: Os inscritos serão divididos em baterias de acordo com o número de inscritos, ordenados de acordo com sorteio na fase de reconhecimento de pista. A quantidade de BATERIAS poderá variar de acordo com a quantidade de inscritos, fases da competição, com a decisão da organização técnica do evento.

Para o início das baterias de competição, deverá haver um período mínimo de 15 minutos de pré-aquecimento. 


As baterias de competição serão divulgadas antecipadamente e fixadas na área de atletas, de acordo com o briefing técnico realizado previamente.

O competidor deve-se informar sobre os horários das baterias de competição;


Caso o competidor não estiver presente na pista de competição no horário de sua bateria fica automaticamente desclassificado, salvo alteração realizada pela comissão técnica.


Não é permitida a mudança na ordem de baterias e nem na ordem de competidores, por nenhum motivo, após o sorteio;


Tempo e Quantidade para apresentação: Para cada uma delas poderá variar de acordo com os aspectos da pista, quantidade de inscritos, fase da competição etc, entretanto, não poderá comprometer o desempenho físico dos competidores.

Tempos/ fases:
Eliminatória: 2 apresentações de 03 minutos cada
Semi-Final: 2 apresentações de 03 minutos cada
Final: 1 apresentação de 03 minutos. Eles competem em ordem inversa à da classificação, sendo o primeiro da eliminatória o último a correr. 
Final Pró: 
2 apresentações de 02 minutos cada com um intervalo de 4 min entre elas. Eles competem em ordem inversa à da classificação, sendo o primeiro da eliminatória o último a correr. 


Quantidade de apresentações:
Pro Masculino: 2 voltas nas fases classificatórias e semi finais e 2 apresentação nas finais com um intervaldo de 4 min entre elas;

Demais categorias: 2 voltas nas fases classificatórias, semi finais e finais.

1D) Premiação: Entrega de troféus e medalhas junto com os prêmios ( Dinheiro somente para profissionais ) aos 10 primeiros colocados. A premiação em dinehrio será depositada em conta após o evento (30 dias de carência)


3 – DISCIPLINA

3A - JUSTIÇA DESPORTIVA
O Atleta participante das competições do Calendário Oficial da CBBF está comprometido em acatar o sistema de disputa proposto neste Regulamento.
Independentemente das sanções de natureza regulamentar expressamente estabelecida neste regulamento, às infrações disciplinares serão processadas e julgadas pela CBBF.

Serão criadas Comissões Disciplinares temporárias, integradas por membros nomeados, para o processo e julgamento de infrações disciplinares ocorridas durante os eventos organizados pela CBBF.

3B – JUSTIÇA DESPORTIVA


As infrações e ocorrências cometidas no transcorrer das competições do Calendário Oficial da CBBF serão passíveis de aplicação de suspensão automática, conforme o caso, e terão seus processos encaminhados para serem analisados e julgados pela Comissão Disciplinar da CBBF, com base nas súmulas das competições e Relatórios dos Árbitros. 


Todos os envolvidos no evento como patrocinadores, team managers, organizadores, pessoas envolvidas diretamente nos eventos, e imprensa estão passíveis de julgamentos e punições com medidas administrativas.

INFRAÇÕES / PENALIDADES e REGRAS COMUNS 
Infração: Uso de bebida alcoólica e ou entorpecentes na área de competição e proximidades;
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente.
Infração: Agressão física aos Juízes ou membros do Staff
Penalidade: Suspensão automática do evento;
Infração: Ofensas verbais ou Gestos de insultos aos Juízes ou membros do Staff 
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente.
Infração: Rasgar ou rasurar papeletas técnicas;
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente.
Infração: Jogar lixo ou qualquer tipo de objeto na área de competição
Penalidade: Advertência e na reincidência, suspensão de 6 meses;
Infração: Ofensas verbais na área do evento;
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente;
Infração: Danos propositais à propriedade do Patrocinador dentro e fora do evento;
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente.
Infração: Ofensas ou agressão à imprensa;
Penalidade: Banimento da entidade definitivamente;
Infração: Não liberar a área de competição ao término de cada bateria de aquecimento assim que solicitado.
Penalidade: Suspensão do evento;
Infração: Invasão da área de organização ou de julgamento
Penalidade: Suspensão do evento;
Infração: Não participação do cerimonial de premiação;
Penalidade: Perda automática da premiação ;
Infração: Danos à imagem do esporte por indisciplina no local do evento;
Penalidade: Suspensão automática anual da entidade e mais custos sob material danificado;
Infração: Danos ou destruição intencional à propriedade alheia;
Penalidade: Suspensão do evento e pagamento dos danos.


Qualquer ato que denigra o esporte, bem como venha ferir o direito de outro cidadão, será interpretado como infração e a penalidade será julgada por membros da CBBF ou Comissão Disciplinar.

REGRAS COMUNS PARA AS COMPETIÇÕES
• O competidor deve entrar na pista de competição após a sua apresentação pelo locutor.
• O cronômetro só começa quando o competidor entrar na área através de um drop ou um impulso.
• A apresentação termina quando o cronômetro indicar exatamente o término do tempo, anunciado pelo locutor. Não são válidas manobras executadas após o término do tempo.
• O competidor terá o direito de recomeçar sua apresentação caso exista a interferência de algum fator externo na sua performance. Ex: Goteiras, invasão de alguém do público, etc.
• O cronômetro pode ser parado, caso exista algum fator externo que atrase a apresentação. 

RECURSOS E PROTESTOS
Os Recursos, Protestos ou outras ações de qualquer natureza, deverão ser encaminhadas para a CBBF ou Departamento de Arbitragem da CBBF, que analisará para as medidas cabíveis.
Entende-se por protesto o meio utilizado em defesa dos direitos ou interesses da parte que se sentir ofendida, para ensejar apreciação e/ou julgamento pelas Comissões Constituídas pela CBBF em matéria administrativa. As ações relativas à competição e disciplina competirão exclusivamente as Comissões Disciplinares.

4 - CATEGORIAS

O objetivo dessa definição é padronizar a nomenclatura das categorias de BMX Freestyle no Brasil visando o desenvolvimento e aperfeiçoamento de todas as competições realizadas, sendo assim, Federações, Promotores, Realizadores e Organizadores de competições poderão fazer uso desta norma.

Feminino
Meninas, independente de sua idade, podem competir nesta categoria.

Iniciante
O atleta que está iniciando no esporte, independente de idade, e que nunca competiu em uma categoria superior.

Amador
O atleta que já disputa campeonato, flui na pista e que passa por todos os obstáculos.
Observação: a comissão técnica tem o direito de decidir se o atleta é amador ou iniciante.

Profissional 
Critérios para o acesso de atletas a Categoria Profissional

Para um Amador se tornar Profissional, serão analisados pela comissão CBBF.
• Nível Técnico: consistem em avaliar o BMXer todas as características como velocidade, aproveitamento de pista, manobras e estilo;
• Colocação no ranking do ano anterior
• Experiência 
• Postura de profissional: consistem em avaliar do BMXer suas ações e idéias
• Representatividade no cenário
• Histórico como amador de ponta nos anos anteriores

Observação: A comissão disciplinar pode convocar o atleta a fim de promovê-lo para a categoria acima.

 

 


 

Deixe seu comentário

Comentários:

Leia também: